Banner Doacao

Notícias

SPDM cria centro de reabilitação Cardiopulmonar (CRCP) pós-covid

SPDM cria centro de reabilitação Cardiopulmonar (CRCP) pós-covid

Após avaliação individual, pacientes recebem atendimento multidisciplinar e orientação para retomada da rotina

A manifestação mais grave da Covid-19 deixou um legado de sequelas nos pacientes, em especial respiratórias, psiquiátricas, neurológicas e cardiovasculares. Esses casos precisam ser avaliados individualmente porque dependem da forma clínica e intensidade da gravidade da doença propriamente dita, que é sistêmica, podendo acometer vários órgãos. 

Para conseguir atender esta demanda das sequelas pós-Covid, a Rede Assistencial Vila Maria/Vila Guilherme organizou um serviço de reabilitação cardiopulmonar, voltado para a recuperação da qualidade de vida dos pacientes residentes na região. 

Para tanto, foi criado um espaço específico para reabilitação cardiopulmonar (CRCP), com equipe multidisciplinar, composto de fisioterapeuta, educador físico, fonoaudióloga, terapeuta ocupacional, nutricionista, psicóloga clínica e assistente social. O objetivo é o atendimento multiprofissional para as necessidades de fisioterapia respiratória, reabilitação cardiovascular, reabilitação do aparelho fonador (sobretudo em pacientes que ficaram em ventilação mecânica), bem como aporte nutricional adequado, acolhimento das sequelas psíquicas em conjunto com a unidade, e reorganização da rotina com novas limitações, para que estes pacientes possam obter melhor qualidade de vida diante da sua nova situação. 

A equipe trabalha em sintonia com a unidade de referência do paciente para juntos construírem um plano terapêutico singular. A unidade escolhida para implantação do CRCP foi a UBS Vila Medeiros, devido à localização e disponibilidade de espaço, além de contar com uma AMA para atendimento de eventual intercorrência. Importante ressaltar que essa RASTS conta com apoio de Telemedicina para teleinterconsulta aos médicos de todas as unidades nas especialidades de neurologia, pneumologia, cardiologia e psiquiatria, evitando que as solicitações de avaliação dos especialistas reprimam a demanda das consultas presenciais nas especialidades acima e aumento da resolutividade, além de promover a educação continuada dos profissionais. 

Até o momento, o programa beneficiou cerca de 60 pacientes.

 641
(2 votos)
   
   

logo IBROSS
  Filiada ao Instituto Brasileiro das
  Organizações Sociais de Saúde (IBROSS)

Contato | Newsletter

Rua Dr. Diogo de Faria, 1036 | Vila Clementino
Cep: 04037-003 | Telefone: (11) 5549-7032