Notícias

Hospital Geral de Guarulhos proporciona conforto a pacientes de Covid-19 com atendimento humanizado

Hospital Geral de Guarulhos proporciona conforto a pacientes de Covid-19 com atendimento humanizado

Ações como videochamadas, cantos e orações melhoram o estado emocional e contribuem para a recuperação

Para amenizar as tensões geradas pela pandemia da Covid-19, o Hospital Geral de Guarulhos, gerenciado pela SPDM – Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina, realiza ações de humanização voltadas para seus pacientes e colaboradores que oferecem acolhimento físico, social e psicológico.

Os responsáveis pelas ações são os próprios profissionais que atuam no HGG, como médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, equipes técnicas e administrativas e funcionários de empresas terceiras, tais como equipe de higienização e controle de acesso, e, assim, são considerados “agentes humanitários”.

Entre as atividades realizadas estão videochamadas com os familiares por meio de tablets, grupos de apoio espiritual e canto em frente à entrada principal da unidade, atividade criada após uma paciente expressar seu desejo de ouvir uma música de sua religião, que foi prontamente atendido pelos colaboradores.

Tais práticas melhoraram o dia a dia dos internados e ajudam no tratamento ao proporcionar estado de conforto e de tranquilidade. O diretor técnico do hospital, Afonso Cesar Cabral Guedes Machado, ressalta que “ações que possam diminuir o estresse emocional do paciente certamente contribuem na sua recuperação física, neste momento de intensa luta de seu sistema imunológico”.

Para que as ações ocorram de maneira constante e com os colaboradores sempre preparados, o Setor de Terapia Ocupacional do HGG desenvolveu o projeto “Cuidando de quem cuida”, voltado exclusivamente para as equipes que atuam diretamente na assistência aos internados, a chamada “linha de frente”. O objetivo é diminuir a tensão, dor e medo, proporcionando equilíbrio do organismo com uso de Kinesio Tapping e Auriculoterapia. Para melhor acolhimento, o setor foi reestruturado, possui música ambiente e os atendimentos são individuais e semanais.

“Sentimento de apoio, solidariedade dos demais colaboradores do HGG a eles, nossa gratidão, admiração e respeito pela dedicação a esta nobre arte do exercício do cuidar do outro”, reforça Afonso Cesar ao lembrar que os profissionais também precisam de apoio e conforto, e que só assim “poderão resgatar forças para continuar a postos na linha de frente”.

Os profissionais também têm à sua disposição meditação guiada, em um ambiente totalmente preparado para a prática, a fim de que possam ter instantes de relaxamento e bem-estar. Além disso, foi mantido na unidade o corredor de alta com música ao vivo para os curados da Covid-19, que é o “momento do pleno reconhecimento de que todo o esforço da equipe no tratamento daquele paciente obteve êxito”, afirma Afonso Cesar.

 754
(1 Votar)